sexta-feira, 22 de maio de 2015

Centro de Referência da Mulher completa cinco anos de funcionamento em Araçatuba

Texto e foto: Camila Graziela

Desde sua inauguração, 491 mulheres foram atendidas pela unidade, e, atualmente, 61 mulheres são acompanhadas pelo Centro

O Centro de Referência da Mulher (CRM) Josymary Aparecida Carranza irá completar no próximo domingo (24), cinco anos de instalação no município. Por conta disso, a equipe do equipamento preparou, na sexta-feira (22), um café da manhã especial para as atendidas. Desde sua inauguração, 491 mulheres foram atendidas pela unidade. Atualmente 61 mulheres são acompanhadas pelo Centro.


A ação é uma iniciativa da Prefeitura de Araçatuba, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS). Participaram do evento a secretária da SMAS, Marta Dourado e Cidinha Lacerda, presidente do Fundo Social de Solidariedade e Conselho Municipal da Mulher. O CRM é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP).

Marta Dourado, falou da importância de espaços como o CRM. “O ideal seria que todos nós vivêssemos em paz, um respeitando o outro. Infelizmente nem sempre é isso que ocorre. Por isso, aqui em Araçatuba as mulheres vítimas de violência tem um espaço que permite que elas resgatem a sua dignidade. Pois, nesse equipamento é feito todo um trabalho de socialização e de fortalecimento da mulher, para que ela busque a emancipação e se valorize”, informou a secretária.


O CRM

O Centro de Referência da Mulher (CRM) Josymary Aparecida Carranza foi criado em Araçatuba em 2010, com o objetivo de acolher mulheres vítimas de violência e contribuir para que elas conquistem a autossuficiência e resgatem a autoestima. Localizado na rua Chiquita Fernandes, 615, no jardim Bandeiras, possui capacidade de atendimento variada. Atualmente, 61 mulheres são acompanhadas pelo CRM, que funciona das 8h às 17h.


Entre os serviços ofertados estão acolhimento, atendimento socioassistencial, atendimento psicológico e orientação jurídica. Ainda há oficinas de reflexão e encaminhamentos para outros programas da Rede de Proteção Social. Também fazem parte do trabalho do CRM visitas domiciliares, palestras de divulgação e contatos interinstitucionais, entre outras ações. Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CRM é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

-----------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

700 pessoas participam de passeata contra a violência sexual de crianças e adolescentes

Texto e foto: Camila Graziela

Caminhada faz parte de uma série de atividades realizadas durante a Semana de Combate à Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes

Cartazes, faixas e bexigas brancas com o slogan “Fique Atento. Denuncie. Disque 100” deram o tom da passeata realizada na manhã dessa sexta-feira (22), em Araçatuba. Cerca de 700 pessoas participaram do ato, que teve início na praça João Pessoa, passou pelas ruas Duque de Caxias, Carlos Gomes, Regente Feijó e terminou na praça João Pessoa, seu ponto de origem. A caminhada faz parte de uma série de atividades realizadas durante a Semana de Combate à Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes, iniciada na segunda-feira (18).


Com iniciativa da Prefeitura de Araçatuba, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social e do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), o evento contou com a participação de crianças da rede municipal de ensino, da escola estadual I. E Manoel Bento da Cruz, programas sociais e equipes técnicas. Todos vestiam camisetas brancas com o slogan da campanha. Antes de iniciar a caminhada, integrantes do Serviço de Convivência Infanto-Juvenil (SECOI) fizeram duas apresentações, sendo uma de canto e outra de dança.


A secretária da SMAS, Marta Dourado, que participou do ato, falou sobre a importância do evento. “É fundamental sensibilizar as pessoas para que se conscientizem e denunciem os casos de violência sexual em todos os demais dias do ano", frisou. Segundo o coordenador do CREAS, Edson Neves Terra Júnior, o resultado está sendo bastante positivo, devido às ações de divulgação. “A proposta desta semana foi de justamente mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar desta luta, com enfoque para que denunciem por meio do disque 100, ao menor sinal de que há algo errado”, relatou.


O evento marca o Dia Nacional de Combate à Violência e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, em 18 de maio, e chama atenção ainda maior para o slogan ‘Fique Atento. Denuncie. Disque 100’. A data foi escolhida porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o País e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome da menina de apenas oito anos que teve todos seus direitos violados: ela foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade.


Enfrentamento


O Serviço de Enfrentamento à Violência, ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes é prestado pelo Creas desde 2008, atendendo a pessoas com até 18 anos que estejam em situação de riscos pessoal e social, por violação de direitos. Dentre eles: violência física, psicológica, negligência e violência sexual (abuso ou exploração sexual), abandono, discriminação em decorrência de orientação sexual, raça e etnia.


Conforme dados estatísticos de 2014 do Creas, 33% dos casos atendidos foram de violência sexual. Desses abusos, 90% foram praticados na família. Dentre todas as denúncias que chegaram ao serviço, 73% foram feitas por terceiros, e não pela própria vitima. “Isso demonstra a importância da continuidade de ações de sensibilização. Dentre as propostas de atuação preventiva, junto à população, estão o projeto “Um Olhar de Proteção” e a campanha 18 de Maio: Dia Nacional de Combate à Violência, Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”, acrescenta a secretária de Assistência Social Marta Dourado.


CREAS

Criado no município em 2009 o Creas (Centro de Referência Especializado em Assistência Social) é direcionado para atender pessoas que foram vítimas de qualquer tipo de violência. O Centro tem como objetivo fazer com que estas pessoas superem o trauma, e também, rompam o ciclo da violência, por meio de atendimento psicossocial e jurídico. Atualmente, a unidade atende 406 pessoas.
Localizado na Avenida dos Estados, 553, no Jardim Sumaré, o Creas possui três frentes de trabalho. São eles: Serviço de Enfrentamento à violência contra o indivíduo e sua família (Pessoas portadoras de necessidades especiais que sofrem violência), Serviço de Enfrentamento à Violência Contra Crianças e Adolescentes e Serviço de Medida Socioeducativo (Adolescentes que cometem atos infracionais).



Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o Creas é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

-----------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

quinta-feira, 21 de maio de 2015

Semana de Combate à Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes segue em ritmo intenso de divulgação

Texto: Camila Graziela
Programação vai até sábado com teatro, passeata e ação no calçadão
Desde o lançamento da Semana de Combate à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes, iniciada na segunda-feira (18) e que se estende até sábado (23), a Prefeitura de Araçatuba, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) e do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS), tem promovido uma série de eventos para conscientizar a população sobre o tema.

A peça “O Segredo de Léo”, da companhia Atos e Atitudes, de Birigui, está sendo apresentada duas vezes por dia. Cerca de 2.600 crianças da rede municipal de ensino já assistiram ao espetáculo. Ao final, elas ainda levaram para casa um gibi com a história contada na peça. Equipe do CREAS tem se mobilizado com distribuição de materiais relacionados ao tema, em programas sociais do Município, faculdades, supermercados, ruas e avenidas com grande movimentação. Na sexta-feira (22), a partir das 8h30, na praça João Pessoa, alunos da rede municipal de ensino e equipe do CREAS farão uma passeata com distribuição de materiais.

“A proposta desta semana é mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa aos direitos sexuais de crianças e adolescentes, bem como estimular para que denunciem por meio do disque 100, ao menor sinal de que há algo errado”, argumentou Edson Neves Terra Júnior, coordenador do CREAS. 

TEATRO
A peça conta a história de um garoto que se isola em seu quarto. Diante desta atitude, os pais de Léo contratam um investigador para descobrir o motivo de tal comportamento. O investigador por sua vez, ganha a confiança do garoto e por meio de muito diálogo descobre que Léo foi abusado por um vizinho. 

De acordo com o autor da peça, Eduardo Amaral, ele usou como elemento da peça o isolamento que é uma dentre as várias características apresentadas por crianças e adolescentes que sofrem abuso, violência e exploração sexual. “A ideia é transmitir, de uma forma leve, e na linguagem das crianças, o que deve ser feito em casos assim. Queremos passar que elas precisam denunciar”, explicou Amaral, que também é ator. Também fez do elenco Jander Willian.

CREAS
Criado no município em 2009 o Creas (Centro de Referência Especializado em Assistência Social) é direcionado para atender pessoas que foram vítimas de qualquer tipo de violência. O Centro tem como objetivo fazer com que estas pessoas superem o trauma, e também, rompam o ciclo da violência, por meio de atendimento psicossocial e jurídico. Atualmente, a unidade atende 406 pessoas. 



Localizado na Avenida dos Estados, 553, no Jardim Sumaré, o Creas possui três frentes de trabalho. São eles: Serviço de Enfrentamento à violência contra o indivíduo e sua família (Pessoas portadoras de necessidades especiais que sofrem violência), Serviço de Enfrentamento à Violência Contra Crianças e Adolescentes e Serviço de Medida Sócio-educativo (Adolescentes que cometem atos infracionais). 
Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o Creas é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.
-----------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

Prefeitura lança Campanha do Agasalho 2015 com foco em bebês e homens adultos‏

Texto e foto: Camila Graziela

Com objetivo de aquecer o inverno de famílias que necessitam de apoio, a Prefeitura de Araçatuba lançou na quarta-feira (20) a Campanha do Agasalho 2015, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) e Fundo Social de Solidariedade (FSS). Nesse ano, além de coletar roupas em boas condições para todos os públicos, a ação enfatiza a doação de roupas para bebês e homens adultos. Serão disponibilizados pontos de coleta no comércio, secretarias e Paço Municipal durante os meses de maio e junho.

A cerimônia de lançamento ocorreu no salão de eventos do Arco Hotel. Dentre os presentes, o vice-prefeito Carlos Hernandes; a secretária de Assistência Social, Marta Dourado; a presidente do Fundo Social, Cidinha Lacerda; os vereadores Cido Saraiva, Gilberto Batata e Jaime José da Silva; secretários municipais e empresários.

Marta Dourado destacou que em 2015, a pedido do prefeito Cido Sério e visando aprimorar a qualidade das doações, empresários parceiros do Município foram convidados para aderir à campanha, seja doando roupas novas ou colocando caixas coletoras nos estabelecimentos. “As doações vestirão muitas famílias. Por isso, a campanha também prioriza a importância da qualidade das roupas. Nosso ato de solidariedade deve vestir com dignidade cidadãos que serão beneficiados”, frisou a secretária.

Ela ressaltou ainda que pessoas cadastradas nas unidades do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) também receberão cobertores e conjuntos de abrigos de moletom. Marta Dourado fez um comparativo, demonstrando os cobertores que são doados pelo Município e os cobertores que o Estado doa.


Cidinha Lacerda salientou que todas as doações serão bem-vindas. “Porém, o foco deste ano está em bebês e homens adultos por termos identificado, em campanhas anteriores da Prefeitura, que o índice de doação para esses públicos é pequeno”.

O vice-prefeito Carlos Hernandes enalteceu Cidinha Lacerda e Marta Dourado pelo trabalho desenvolvido por ambas, com amor e atenção ao ser humano que mais precisa. “Batemos recordes todos os anos e, com certeza, com a garra dessas duas, essa será mais uma campanha vitoriosa”. 

O presidente da Câmara Municipal, Cido Saraiva, em nome dos vereadores, anunciou a doação de 400 cobertores para a campanha. A empresária Nice Penna (loja Nice Homem) doará roupas masculinas, enquanto a malharia Aspecto Uniformes assegurou 50 agasalhos adultos e 50 infantis. A Secretaria Municipal de Turismo doará 100 peças infantis.


------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

terça-feira, 19 de maio de 2015

Semana de Combate à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes é iniciada em Araçatuba

Texto e foto: Camila Graziela

Programação vai até sábado com teatro, passeata e ação no calçadão

Para marcar o Dia Nacional de Combate à Violência e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (18 de maio) e chamar atenção ainda maior para o slogan ‘Fique Atento. Denuncie. Disque 100’, a Prefeitura de Araçatuba, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) e do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), iniciou, na segunda-feira (18), a Semana de Combate à Violência, Abuso e Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes.


No período da manhã, uma equipe do CREAS fez panfletagem sobre o tema, na esquina da rua Duque de Caxias com a avenida dos Araçás. Paralelamente, houve apresentação de uma peça de teatro para as crianças da rede municipal de ensino. O evento ocorreu no Teatro da Unip. Intitulada de “O Segredo de Léo”, da CIA Atos e Atitudes de Birigui, a peça conta a história de um garoto que se isola em seu quarto. Diante desta atitude, os pais de Léo contratam um investigador para descobrir o motivo de tal comportamento. O detetive por sua vez, ganha a confiança do garoto e por meio de muito diálogo descobre que Léo foi abusado por um vizinho.


De acordo com o coordenador do CREAS, Edson Neves Terra Júnior, uma série de ações será realizada durante a semana com objetivo de conscientizar a população sobre o tema. “A proposta desta semana é mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa aos direitos sexuais de crianças e adolescentes”, explicou o coordenador. A programação se estende até sábado (23).

18 de Maio


Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o País e ficou conhecido como o “Caso Areceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade que teve todos seus direitos violados. Ela foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade.


Enfrentamento

O Serviço de Enfrentamento à Violência, ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes é prestado pelo CREAS desde 2008, atendendo a pessoas com até 18 anos que estejam em situação de risco pessoal e social, por violação de direitos. Dentre eles: violência física, psicológica, negligência e violência sexual (abuso ou exploração sexual); abandono; discriminação em decorrência de orientação sexual, raça e etnia.

Conforme dados estatísticos de 2014, do CREAS, 33% dos casos atendidos foram de violência sexual. Desses abusos, 90% foram praticados na família. Dentre todas as denúncias que chegaram ao serviço, 73% foram feitas por terceiros, e não pela própria vitima. “Isso demonstra a importância da continuidade de ações de sensibilização. Dentre as propostas de atuação preventiva, junto à população, estão o projeto “Um Olhar de Proteção” e a campanha 18 de maio: Dia Nacional de Combate à Violência, Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”, acrescenta Marta Dourado.


CREAS

Criado no município em 2009 o CREAS (Centro de Referência Especializado em Assistência Social) é direcionado para atender pessoas que foram vítimas de qualquer tipo de violência. O Centro tem como objetivo fazer com que estas pessoas superem o trauma, e também, rompam o ciclo da violência, por meio de atendimento psicossocial e jurídico. Atualmente, a unidade atende 406 pessoas.
Localizado na Avenida dos Estados, 553, no jardim Sumaré, o CREAS possui três frentes de trabalho. São eles: Serviço de Enfrentamento à violência contra o indivíduo e sua família (Pessoas portadoras de necessidades especiais que sofrem violência), Serviço de Enfrentamento à Violência Contra Crianças e Adolescentes e Serviço de Medida Socioeducativo (Adolescentes que cometem atos infracionais).

Programação

ü  De 19 (terça-feira) a 22 de maio (sexta-feira), às 8h30 e 14h30, Teatro "O Segredo de Léo", na Universidade Paulista (Unip);
ü  Dia 22 (sexta), às 8h30, passeata a partir da praça João Pessoa;
Dia 23 (sábado), às 8h30, encerramento da semana, no calçadão

------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

sexta-feira, 15 de maio de 2015

CRAS leva idosos a pesqueiro

Texto e foto: Camila Graziela

Passeio faz parte de série de medidas que a Prefeitura de Araçatuba têm adotado para promover a valorização e a melhoria da qualidade de vida dos idosos assistidos pelo Governo Municipal

Os idosos que fazem parte do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo (SCFV), do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do Etemp e do Ponto de Apoio, do Rosele, de Araçatuba, fizeram um passeio fantástico, na sexta-feira (15). Eles foram levados para passar o dia no Restaurante Pesqueiro Quinta do Sardão, localizado às margens da rodovia Marechal Rondon, em Guararapes.

Eufóricos, os idosos desfrutaram do lugar que forma um cartão postal, com uma lagoa ao lado de três grandes estruturas de madeiras, cercadas de muito verde e tranquilidade. Dona Cleonice Aparecida Ormundes, de 66 anos, estava radiante. “Esse lugar é excelente e o CRAS é nota 1000. Eu estava numa depressão profunda, só ficava dentro de casa, quando eu imaginar estar me divertindo num lugar como esse? Eu renasci graças ao CRAS”, declarou satisfeita.


Tomiko Watanabe, 67, teve opinião semelhante. “Está sendo maravilhoso este passeio. Frequentar o CRAS é uma terapia pra gente. Eu perdi meu marido faz dois meses, e frequentar o grupo está sendo essencial para mim nesse momento”, relatou. Maria Noêmia Silva, 66, também fez questão de falar sobre a experiência. “O CRAS está de parabéns por tudo que tem nos proporcionado. Isso aqui está uma maravilha, revigorante. Até dancei e eu nem sou de dançar”, comentou.


Segundo o psicólogo responsável pelo grupo, José Aparecido Adão, o passeio vem ao encontro com os objetivos do programa que são promover a interação social e o fortalecimento de vínculos dentro da sociedade. “Muitas vezes este é o único meio de lazer e diversão deles”, informou.


A ação faz parte de uma série de medidas que a Prefeitura de Araçatuba, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) e seus programas, têm adotado para promover a valorização e a melhoria da qualidade de vida dos idosos assistidos pelo Governo Municipal. Ao todo, 49 pessoas participaram do passeio. Os CRAS de Araçatuba são geridos pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP).


CRAS Etemp

Criado no município em 2009, o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) do bairro Etemp desenvolve diversas ações para a comunidade promovendo a concretização dos direitos constitucionais e fortalecimentos de vínculos afetivos, relacionais e comunitários. Tem como principais ações o Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família – PAIF, Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos de 0 a 6 anos de idade e Serviço de Proteção Social Básica no domicilio para pessoas com deficiências e idosos.


Localizado na rua Pedro Viola, 184, a unidade também possui um ponto de apoio no bairro Rosele, que fica localizado na rua Noel Rosa, 238. Cerca de 700 famílias são atendidas mensalmente nas duas unidades do CRAS Etemp, que funcionam das 8h às 17h. Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CRAS Etemp é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

quarta-feira, 13 de maio de 2015

Idosos do CRAS Central têm sessão de cinema

 Texto e foto: Camila Graziela

Eles foram levados até o Teatro Municipal Paulo Alcides Jorge, onde assistiram ao filme ‘UP – Altas Aventuras’

Com objetivo de promover a valorização e melhorar a qualidade de vida dos idosos, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do Centro, promoveu, nessa terça-feira (12), uma sessão de cinema para integrantes do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV). Eles foram levados até o Teatro Municipal Paulo Alcides Jorge, onde assistiram ao filme ‘UP – Altas Aventuras’.

De acordo com a assistente social Cynthia Galvão Porto, a ação teve por objetivo proporcionar acesso à cultura, por meio do entretenimento, além de sair da rotina. “Escolhi esse filme porque passa uma mensagem que serve para cada um deles, que é a de que nem sempre a vida sai como planejamos, mas não significa que ela acabou por isso”, explicou a profissional. A iniciativa é da Prefeitura de Araçatuba, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS). Os CRAS são geridos pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP).


O Filme


Quando jovem, Carl sempre gostou de aventuras. Fã do desbravador Charles Muntz, ele deseja também explorar o mundo a bordo de um balão, principalmente depois de conhecer Ellie, uma garota que compartilha dos mesmos sonhos dele. Apaixonados, os dois se casam e constroem uma vida juntos. Com dificuldades para terem seu primeiro filho, que nunca veio, e constantes problemas financeiros, o casal adia seus sonhos de conhecer a América do Sul, até que ficam velhos e Ellie falece.

Ranzinza e rabugento, Carl se torna o oposto daquilo que esperava para si. Querendo apenas passar o resto de seus dias na casa em que viveu com a amada, ele é surpreendido por um empreendimento imobiliário que quer derrubar a residência. Para não acabar em um asilo, e sem nada a perder, Carl amarra milhares de balões na casa, que sai voando para que ele, enfim, viva, Altas Aventuras. Porém, o homem não contava com Russell, um escoteiro que estava escondido por lá. Apegado à modernidade e precisando ajudar algum idoso para ganhar uma medalha, o menino mudará a forma de Carl enxergar o mundo.


CRAS Central


Criado no município em 2012, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do Centro de Araçatuba desenvolve diversas ações para a comunidade promovendo a concretização dos direitos constitucionais e fortalecimentos de vínculos afetivos, relacionais e comunitários. Tem como principais ações o Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família (PAIF), Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para crianças com até 6 anos de idade e Serviço de Proteção Social Básica no domicilio para pessoas com deficiências e idosos.

Cerca de 360 famílias são atendidas mensalmente na unidade. O CRAS Centro fica na rua XV de Novembro, 275, e atende das 8h às 17h. Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CRAS Centro é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

------------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
------------------------------------------------------------------------------

terça-feira, 12 de maio de 2015

Dia das Mães é comemorado com apresentações no CRAS Jussara

Texto e foto: Camila Graziela

O Balé Municipal abriu o evento com três apresentações. Em seguida, integrantes do PAIF e do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos fizeram apresentações musical, teatral e de poesia


Para celebrar ao Dia das Mães, comemorado no último domingo (10), o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do Jussara, em Araçatuba, promoveu, nessa segunda-feira (11), uma tarde recheada de apresentações. O Balé Municipal abriu o evento com três apresentações: A Lagarta, Alice no País das Maravilhas e Flamingo. Em seguida, integrantes do Programa de Acompanhamento Integral à Família (PAIF) e do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) fizeram apresentações musical, teatral e de poesia. Eles foram divididos em grupos, totalizando oito apresentações.

Ao final, todas as mamães receberam uma caneca personalizada de presente. De acordo com a coordenadora da unidade, Aretusa de Paula Rodrigues, além de homenagear as mães, o evento teve por objetivo promover o fortalecimento de vínculos sociais e afetivos, que é uma das propostas dos CRAS, bem como exibir os talentos dos usuários. “Esses eventos servem também para incentivarmos o talento que existe em cada um deles. Com isso, estamos promovendo a valorização da autoestima. Eles estavam bastante engajados durante os ensaios, que durou um mês”, comentou Aretusa.


CRAS Jussara


Criado no município em 2009, o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) do bairro Jussara desenvolve diversas ações para a comunidade promovendo a concretização dos direitos constitucionais e fortalecimentos de vínculos afetivos, relacionais e comunitários. Tem como principais ações o Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família (PAIF), Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para crianças de até 6 anos de idade e Serviço de Proteção Social Básica no domicilio para pessoas com deficiências e idosos.


O CRAS Jussara fica na rua Raul de Oliveira, 180, atende mensalmente cerca de 400 famílias, e funciona das 8h às 17h. Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CRAS Jussara é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.





------------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
------------------------------------------------------------------------------



segunda-feira, 11 de maio de 2015

Capacita SMAS encerra semana com propostas de novos olhares e metodologias

O período da manhã de sexta-feira (8) foi marcado pelo grande número de profissionais ligados ao Sistema Único de Assistência Social (SUAS) que participaram de palestra sobre avaliação e planejamento de programas sociais. A atividade realizada na sede da 1.ª Igreja Batista, no centro da cidade, encerrou a primeira semana do evento Capacita SMAS (Secretaria Municipal de Assistência Social), promovido pela Prefeitura de Araçatuba. 

O facilitador Edson Neves Terra Júnior explicou que os participantes conheceram propostas para uma nova metodologia de trabalho, que visa unir equipes de profissionais e usuários dos serviços socioassistenciais municipais para melhorar os programas existentes. ”Queremos trazer todos a refletir sobre problemas e soluções em escala local. Trata-se de implantar o planejamento participativo, de modo a convidar a população a ser protagonista na construção de uma nova realidade. Esse é o novo desafio para nossos profissionais”. 

À tarde, na FEA (Fundação Educacional de Araçatuba), a facilitadora Luciana Leopoldo Conte de Almeida ministrou palestra com o tema ‘Funções Administrativas: Um Novo Olhar’, direcionada aos trabalhadores do SUAS nesses setores. Os eventos do Capacita SMAS continuam entre os dias 11 e 15 de maio.

PROGRAMAÇÃO 
Dias 11, 12, 13 (segunda, terça e quarta), das 8 às 12 e das 13 às 17 horas
Facilitador: Edson Neves Terra Júnior 
Público: profissionais do SUAS no Município
Tema: Oficina de avaliação e planejamento de programas sociais
Local: FEA 
Dias 12, 13, 14 (terça, quarta e quinta), das 8 às 12 e das 13 às 17 horas
Facilitadora: Alessandra Ramos Duarte Francisco
Público: técnicos do SUAS
Tema: Facilitadores de grupo
Local: FEA 
ENCERRAMENTO 
Dia 15 (sexta-feira), das 8 às 12 e das 13 às 17 horas
Facilitadora: Alessandra Ramos Duarte Francisco
Público: educadores sociais, orientadores sociais e monitores de oficinas
Tema: Facilitadores de grupo
Local: FEA

------------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
------------------------------------------------------------------------------


sexta-feira, 8 de maio de 2015

Programas sociais surpreendem mães com homenagens

Texto: Camila Graziela 
Uma série de atividades especiais foi desenvolvida para celebrar a data como musicais, danças e teatro

A Prefeitura de Araçatuba, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) e seus programas, promoveu, nesta semana, uma série de atividades especiais em celebração ao Dia das Mães que será comemorado no domingo (10). Musicais, danças e teatro fizeram parte das festividades. Os programas sociais são geridos pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP). 

Na tarde de quinta-feira (7), por exemplo, usuários do Centro de Convivência do Idoso (CCI) foram surpreendidos com a presença de seus familiares no local. E a surpresa não parou por aí. Os parentes formaram um coral e cantaram a canção "Fogão de lenha", de Chitãozinho e Xororó, emocionando a todos. 

Aparecida Marques de Abreu, de 76 anos, disse que ficou muito feliz com a surpresa. “Eu chorei de tanta emoção. Não estava esperando ver meu filho aqui”, declarou. O filho dela, Alfredo Marques de Abreu, 53, aprovou a iniciativa. “Foi uma experiência muito bacana”, disse. Ele acrescentou ainda que a mãe mudou pra melhor depois que começou frequentar o local. “Ela era triste, calada e fechada. Aqui ela convive com pessoas da mesma idade, sem falar das atividades que desenvolve”, comentou. 

Na ocasião, foi servido um café da tarde especial. As mães também receberam de presente uma caixinha de MDF, trabalhada com decoupagem (técnica de recorte de tecido), com uma toalha de boca escrito "Feliz Dia das Mães" e um mini-vaso de roseira. 

Durante a semana, as cinco unidades dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) também homenagearam as mães, assim como o Serviço de Conivência Infanto-Juvenil (SECOI). Em todas as ocasiões, as mães receberam canecas personalizadas de presente.

------------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
------------------------------------------------------------------------------

Capacita SMAS: dinâmicas marcam segundo dia do evento‏

O segundo dia do evento Capacita SMAS (Secretaria Municipal de Assistência Social), na quarta-feira (6), teve como público-alvo coordenadores da Rede de Proteção Social e líderes dos demais programas ligados, direta e indiretamente, às ações da Secretaria de Assistência Social. As atividades ocorreram na FEA (Fundação Educacional de Araçatuba).


Sob tutela dos facilitadores Alessandra Ramos Duarte Francisco, Edson Terra Júnior e Luciana Leopoldo Conte de Almeida, o grupo participou de palestras e atividades práticas com o tema “Liderança e trabalho em equipe”. Segundo Edson Júnior, o dia (8h às 17h) foi marcado por “menos fala e mais ação. Promovemos um volume maior de dinâmicas de grupo, nas quais os participantes colocaram em prática os novos modelos para aprimoramento das ações socioassistenciais”.

Ele comemorou o feedback ao final do dia, quando houve uma reunião geral com os participantes. “O retorno de nosso pessoal foi incrível, e mostrou como foi ótima essa ideia da secretária Marta Dourado, de Assistência Social. Capacita SMAS está mostrando que a proposta de territorialização está dando certo, pois os próprios atores acabam desenvolvendo e contextualizando o novo sistema, com assuntos da nossa realidade”.

O evento contou com a presença do presidente do Comas (Conselho Municipal de Assistência Social), Albertino de Lima. A programação do evento Capacita SMAS vai até o dia 15 de maio.


PROGRAMAÇÃO

Dia 08/05 (sexta-feira)
Facilitador: Edson Neves Terra Junior
Público alvo: Profissionais do SUAS do município 
Tema: Avaliação e planejamento de programas sociais
Local: 1ª Igreja Batista de Araçatuba
Horário: 8 às 12h

Facilitador: Luciana Leopoldo Conte de Almeida 
Público alvo: Trabalhadores das funções administrativas do SUAS
Tema: Funções administrativas - Um Novo Olhar
Local: FEA - Faculdade da Fundação Educacional de Araçatuba
Horário: 13 às 17h

Dias 11, 12 e 13/05
Facilitador: Edson Neves Terra Junior 
Público alvo: Profissionais do SUAS do município
Tema: Oficina de avaliação e planejamento de programas sociais
Local: FEA - Faculdade da Fundação Educacional de Araçatuba
Horário: 8 às 12/ 13 às 17h

Dias 12, 13 e 14/05
Facilitador: Alessandra Ramos Duarte Francisco
Público alvo: Técnicos do SUAS
Tema: Facilitadores de grupo
Local: FEA - Faculdade da Fundação Educacional de Araçatuba
Horário: 8 às 12h/ 13 às 17h

Dia 15/05 - ENCERRAMENTO
Facilitador: Alessandra Ramos Duarte Francisco
Público alvo: Educadores sociais, orientadores sociais e monitores de oficinas
Tema: Facilitadores de grupo
Local: FEA - Faculdade da Fundação Educacional de Araçatuba
Horário: 8 às 12h/ 13 às 17h
 ------------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
------------------------------------------------------------------------------