quinta-feira, 30 de abril de 2015

Prefeitura e Comdica promovem conferência municipal dos direitos da criança e do adolescente

Texto e foto: Camila Graziela

A Prefeitura de Araçatuba, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica) promoveram a 6.ª Conferência Lúdica Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. O evento aconteceu na terça-feira (28), na Fundação Mirim, com quase 200 participantes.



A presidente do Fundo Social de Solidariedade, Cidinha Lacerda, representou o prefeito Cido Sério. A secretária de Assistência Social Marta Dourado; o vereador Rivael Papinha, representando o Legislativo; e o presidente do Comdica, Maurício Passos de Oliveira participaram do evento, que ainda reuniu conselheiros tutelares, alunos de escolas municipais, estaduais e particulares, usuários de programas sociais e representantes da sociedade civil e do poder público.

“O objetivo é dar espaço para que a criança e adolescente tenham vez e voz na elaboração de seus direitos”, comentou Oliveira, presidente do Comdica. Cidinha Lacerda ressaltou que desde 2009 a Administração Municipal tem dado condições para que esses direitos sejam garantidos. “Hoje, exceto casos esporádicos, não há mais crianças nos semáforos pedindo esmolas. Graças às políticas públicas adotadas no Município”, frisou.



Cidinha Lacerda acrescentou ainda a importância da presença de crianças e adolescentes no evento. “Isso aqui é um exercício de democracia e cidadania. Por isso, a importância de vocês estarem aqui. O próprio nome conferência pressupõe que vocês devem conferir o que está faltando, o que temos e não usamos, e o que podemos melhorar”.



Após os trabalhos iniciais, adultos e crianças foram reunidos em grupos para elaboração de propostas. Na sequência, 16 delegados (14 adolescentes e duas crianças) foram escolhidos para representar Araçatuba em conferência regional. Esses representantes poderão, ainda, participar dos encontros em níveis estadual e nacional.

O objetivo é mobilizar o Sistema de Garantia de Direitos e a população em geral para implementação e monitoramento da “Política e Plano Decenal dos Direitos da Criança e do Adolescente – Fortalecendo os Direitos da Criança e do Adolescente”. Esse é o tema central da 6.ª Conferência Lúdica Municipal.

------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

Idosos do CCI recebem uniformes de inverno

 Texto e foto: Camila Graziela

Local foi decorado com galhos secos e folhas, especialmente para ocasião

Os idosos atendidos pelo Centro de Convivência do Idoso (CCI) de Araçatuba receberam, na tarde de quarta-feira (29), os uniformes de inverno doados pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS). A solenidade de entrega ocorreu na sede do CCI, que recebeu uma decoração de inverno com galhos secos e folhas, especialmente para a ocasião. O CCI é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP).


Participaram do evento a presidente do Fundo Social de Solidariedade, Cidinha Lacerda, representando a secretária Marta Dourado, a diretora do Departamento de Proteção Social Básica, Márcia Moreira Lavoyer e o secretário de Participação Cidadã, Alex Lapenta, representando o prefeito Cido Sério. Cidinha ressaltou o quanto é gratificante ver que o espaço criado para proporcionar a convivência e o bem estar dos idosos tem alcançado com louvor seus objetivos. Lapenta, encantado com o local, parabenizou toda a equipe pelo trabalho desenvolvido.



Os idosos fizeram uma apresentação de zumba (mistura de ritmos como samba, salsa, merengue e mambo, que promove o condicionamento físico). Na sequência, a pedido do usuário Orlando de Pádua Marcondes, (76) dona Orbeli, que também é usuária do CCI, leu para os presentes um texto de sua autoria sobre o que representava o CCI na vida dele. Em seguida, os idosos receberam o kit contendo um abrigo composto por uma calça, uma blusa e um boné.



CCI

O CCI (Centro de Convivência do Idoso) é um espaço de atendimento e convivência social, voltado para a melhoria das relações sociais e afetivas do idoso, sua saúde e sua autoestima, evitando a institucionalização e garantindo a melhoria de sua qualidade de vida. O Centro oferece atendimento psicossocial, enfermagem e atividades diversificadas.


Inaugurado em maio de 2013, o CCI tem a finalidade de acolher idosos do município que vivem em situação de vulnerabilidade social. O equipamento fica na rua Jovita Militão Bonfim, 66, no bairro Chácaras Arco-íris. O local tem capacidade para atender 50 pessoas, com mais de 60 anos de idade, com atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CCI é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.


------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

quarta-feira, 29 de abril de 2015

Drogas e DSTs são tema de peça teatral no Ação Jovem

Texto e foto: Camila Graziela

A ação encerra uma série de atividades sobre saúde, que foram desenvolvidas entre os meses de fevereiro e abril

O Programa Ação Jovem promoveu, na tarde dessa terça-feira (28), no Teatro Municipal Castro Alves, um espetáculo para jovens e adolescentes que integram o programa. A ação, que encerra uma série de atividades que foram desenvolvidas dentro do eixo saúde, entre os meses de fevereiro e abril, tem o apoio da Prefeitura de Araçatuba, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS). O Ação Jovem é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP).


De acordo com o coordenador Abel Andrade, nesse período foram trabalhados temas como gravidez precoce, tabagismo, DST/AIDS e álcool na adolescência. Para ele, o saldo dessas ações foi bastante positivo. “Tivemos uma adesão muito boa, houve muita interação dos jovens durante as palestras e isso mostra que eles tinham interesse e até dúvidas em relação ao que foi abordado”, comentou. Ele acrescentou ainda que a peça teve por objetivo promover acesso à cultura e também mais um meio de levar a mensagem do que já foi debatido para os jovens.


Intitulada de “Manos”, da companhia Atos e Atitudes, de Birigui, interpretada pelos atores Jander Willian e Eduardo Amaral, a peça fala de dois irmãos que se deparam com doenças sexualmente transmissíveis, drogas, gravidez precoce, tabagismo, e se deixam levar por incorreções comportamentais e vícios. Ainda assim, um tenta ajudar o outro a vencer as dificuldades relacionadas aos problemas.

Jéssica, de 17 anos, aprovou a iniciativa. “Achei interessante porque nos ensinou ter respeito com nossa saúde. Muitas pessoas da nossa idade, não sabiam sobre as doenças sexualmente transmissíveis, nem como usar preservativo corretamente. Além disso, o Ação Jovem nos prepara para o mercado de trabalho, inclusive, vamos iniciar um curso de auxiliar de escritório com duração de seis meses, no Senac, e gratuito”, comentou a jovem.


Ação Jovem

Implantado no município em 2005, o Ação Jovem é um programa que estimula a conclusão da escolaridade básica, possibilitando aos jovens beneficiários continuar o aprendizado para seu desenvolvimento pessoal, para sua inserção no mercado de trabalho e para fomentar sua preparação para o efetivo exercício da cidadania. Mantido pela Prefeitura de Araçatuba, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS), em parceria com o Governo Estadual, o programa oferece atividades socioeducativas e uma bolsa-auxílio de R$ 80,00.


Localizado na Avenida dos Araçás s/n (antiga estação ferroviária), no Centro, o local atende atualmente 279 jovens, com idades entre 15 e 24 anos, cuja renda familiar é de até meio salário mínimo por pessoa. Funciona das 8h às 17h. Para participar, além da idade, o participante precisa estar matriculado e frequentando o ensino fundamental, médio ou a Educação de Jovens e Adultos (EJA). Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o Ação Jovem é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

segunda-feira, 27 de abril de 2015

Artrite e Artrose são temas de palestra no CRAS Jussara

Texto e foto: Camila Graziela

Participantes aprenderam que artrite é uma doença e artrose é um processo natural de desgaste do corpo

As usuárias do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do bairro Jussara, de Araçatuba, que participam das aulas de zumba e ginástica funcional, acompanharam na manhã dessa sexta-feira (24), uma palestra sobre artrite e artrose. O evento foi ministrado por Giuliane Garcia Gomes, fisioterapeuta do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF). A iniciativa é da Prefeitura de Araçatuba, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS). Os CRAS de Araçatuba são geridos pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP).


Os presentes aprenderam que, embora artrite e artrose estejam associadas, são duas coisas diferentes e que a artrose, ao contrário do que se pensa, não é uma doença, mas sim um processo de degeneração do corpo, desgaste natural conforme a idade. Já a artrite, sim é uma doença. “Ela causa a inflamação da articulação, devido ao desgaste da cartilagem que reveste nossas articulações ou juntas. Por isso artrite e artrose são associadas”, informou a palestrante.

Segundo Alessandra Marques, educadora física do CRAS, a ação teve por objetivo orientar as alunas, além de promover a melhora da qualidade de vida. “Durante as aulas surgem muitas dúvidas. Muitas delas, inclusive, relatam dores no joelho, nas costas. Por isso, optamos por trazer um profissional específico para tirar as dúvidas, já que elas praticam a atividade física comigo. É bom que saibam como funciona nosso corpo na teoria, isso irá ajudar prevenir as dores e descobrir possíveis doenças também”, explicou a educadora.


Dona Maria Carmen Martins, de 62 anos, que participa das aulas de zumba e ginástica funcional, aprovou a iniciativa. “Eu achei ótima a palestra porque tirei muitas dúvidas. Sinto uma dormência na perna esquerda há algum tempo e estava pensando que poderia ser problemas no coração. Mas, graças à palestra, descobri que possivelmente é por conta da coluna”, comentou.


Opinião semelhante teve Silvandira dos Santos Chave, 49. “Isso foi uma maravilha pra nós. Foi muito bom porque tiramos dúvidas e fomos orientadas como proceder em caso de detectar alguma coisa, como aconteceu comigo. Conversando com a fisioterapeuta, falei das dores que tenho sentido e pelos sintomas ela disse que tudo indica que é artrose”, relatou.



CRAS Jussara

Criado no município em 2009, o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) do bairro Jussara desenvolve diversas ações para a comunidade promovendo a concretização dos direitos constitucionais e fortalecimentos de vínculos afetivos, relacionais e comunitários. Tem como principais ações o Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família (PAIF), Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para crianças com até 6 anos de idade e Serviço de Proteção Social Básica no domicilio para pessoas com deficiências e idosos.

O CRAS Jussara fica na rua Raul de Oliveira, 180, atende mensalmente cerca de 400 famílias, e funciona das 8h às 17h. Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CRAS Jussara é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

sexta-feira, 17 de abril de 2015

Oficina de bordado em chinelos é oferecida para atendidos do CREAS

Texto e foto: Camila Graziela
Atividade pretende oferecer uma opção de renda aos familiares das crianças e adolescentes
Com a aproximação do Dia das Mães, o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) de Araçatuba ofereceu, na tarde dessa quinta-feira (16), uma oficina de artesanato de bordado em chinelos para atendidos e familiares. Todo material necessário foi disponibilizado pelo equipamento. A iniciativa é da Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS). O CREAS é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP).

De acordo com o coordenador do local, Edson Neves Terra Júnior, a proposta é que os atendidos possam presentear suas mães com o par de chinelos que foi bordado durante a oficina e, também, possibilitar mecanismos de geração de renda. "A ideia é incluir essas pessoas no mercado informal. Desde o início do ano, estamos implantando diversas oficinas para que nossos atendidos e familiares tenham autonomia, pois com a geração de renda ocorre melhora no convívio familiar, possibilitando inclusive, o controle da violência”, explicou.

A mãe de uma jovem de 18 anos, que integra o Serviço de Enfrentamento à Violência Contra Crianças e Adolescentes, disse que tem participado de todas as oficinas. “Devido ao que aconteceu com a minha filha, eu saí do trabalho para ficar com ela. Graças a esses cursos, eu tenho conseguido a minha fonte de renda, porque estou fazendo trufas para vender e, agora, pretendo vender os chinelos também. Agradeço muito essa oportunidade”, declarou.

Mesma opinião tem o pai de um rapaz que também frequenta o Serviço de Enfrentamento à Violência Contra Crianças e Adolescentes. “Não tenho nem palavras para agradecer tudo o que o CREAS tem feito por minha família”, disse. Ele contou que o equipamento têm sido essencial na vida deles e graças ao local, conseguiu um emprego. “Eu estava desempregado há oito meses e o CREAS me encaminhou para a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Relações do Trabalho para uma vaga de vigilante e já começo a trabalhar domingo. Estou bastante feliz em ter novamente um emprego com registro em carteira”, contou.
O CREAS
Criado em Araçatuba em 2009, o Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) é direcionado para o atendimento de pessoas vítimas de qualquer tipo de violência. O Centro tem como objetivo fazer com que estas pessoas superem o trauma, e também rompam o ciclo da violência, por meio de atendimento psicossocial e jurídico. Atualmente, a unidade atende mais de 400 pessoas, e funciona das 8h às 17h30.
Localizado na avenida dos Estados, 553, no jardim Sumaré, o CREAS possui três frentes de trabalho: Serviço de Enfrentamento à Violência Contra o Indivíduo e sua Família (pessoas portadoras de necessidades especiais que sofrem violência), Serviço de Enfrentamento à Violência Contra Crianças e Adolescentes e Serviço de Medida Socioeducativo (adolescentes que cometem atos infracionais). Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CREAS é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

Prefeitura libera quase R$ 2,5 mi para entidades; R$ 1,5 mi a mais que em 2008

Pontualmente houve reajuste de quase 400%. No geral foram 150% a mais

A Prefeitura de Araçatuba, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS), liberou quase R$ 2,5 mi para 13 entidades assistenciais do Município. O prefeito Cido Sério oficializou a liberação dos recursos em cerimônia de assinatura de convênios.


Foram repassados R$ 2.443.552,60 para as instituições contempladas pelo Plano Municipal de Assistência Social, que são parceiras da secretaria. Os valores estão assim divididos: R$ 201.185,10 provenientes do Fumdica (Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente); R$ 794.880,00 do Governo Federal; R$ 1.053.759,59 do Governo Estadual; e R$ 393.727,91 de contrapartida do Município de Araçatuba.

O prefeito Cido Sério salientou que “esse é um compromisso meu, de Cidinha Lacerda (presidente do Fundo Social de Solidariedade), de Marta Dourado (secretária de Assistência Social) e de outros amigos que nas décadas de 1970 e 80 tínhamos o ideal de cuidar das pessoas, possibilitando a quem realmente precisa uma vida melhor. Hoje, ao lado dos demais secretários, nós temos condições de concretizar esse projeto de vida”.

Ele reiterou que “esse é o resultado de um trabalho coletivo, e ninguém consegue implementar políticas públicas sozinho. Por esse e outros compromissos, Araçatuba é hoje referência em assistência social, destacada pela preocupação com o ser humano, a nossa marca, que está em evidência no País”.

A secretária Marta Dourado agradeceu ao prefeito “em nome de todos os usuários que estão lá na ponta e reconhecem que Araçatuba mudou, especialmente em relação à assistência social. Essas pessoas enxergam o olhar humano do prefeito, que reconhece os direitos das pessoas. Os avanços nas políticas públicas, com ampliação dos recursos são expressivos, para benefício de quem realmente precisa”.

Juntas, as entidades atendem quase três mil pessoas. Além dos serviços prestados pela Secretaria de Assistência Social (redes de proteção social básica e especial), constantemente são fechadas parcerias com entidades locais. A secretaria atua como órgão gestor intermediário na busca de recursos nas esferas municipal, estadual e federal. A assinatura aconteceu no dia 14.



- Acrepom (Associação dos Catadores de Papel, Papelão e Material Reciclável de Araçatuba)

- Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais)

- Arca (Associação de Reinserção Social de Crianças e Adolescentes)

- Asilo São Vicente de Paulo

- Associação Albergue Noturno Senhor Bom Jesus da Lapa

- Associação Amor Exigente

- Associação Beneficente Batista João Arlindo

- Casa Bom Samaritano Manolo Garcia

- Instituto para Cegos Santa Luzia

- Lar da Velhice e Assistência Social

- Lar Espírita Caminho Nazaré

- Comunidade Luso-Brasileira Lar São João

- União Espírita Paz e Caridade




------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

quarta-feira, 15 de abril de 2015

CREAS oferece oficina de capoeira para adolescentes que cumprem medida socioeducativa

 Texto e foto: Camila Graziela

Disciplina, autocontrole, atividade física e bons hábitos são algumas das características da modalidade

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) de Araçatuba está oferecendo uma oficina de capoeira para adolescentes que cumprem medida socioeducativa. O curso, que foi dividido entre terça-feira (14) e quarta-feira (15), é ministrado por Alex Lapenta, contramestre de capoeira e também secretário municipal da Secretaria de Participação Cidadã.


De acordo com Lapenta, a oficina é uma sensibilização em relação à capoeira e, por meio dela, transmitir alguns ensinamentos, como disciplina, autocontrole, atividade física e bons hábitos, que o esporte em geral proporciona. “Vou traçar para eles um paralelo entre o momento da criação dessa luta, que foi em busca da liberdade, e o momento atual em que eles vivem: o conflito com a lei”, explicou.

Segundo o coordenador Edson Neves Terra Júnior, a ação tem por objetivo sair do caráter de atendimento formal e aproximar os adolescentes da equipe do CREAS. “A proposta é inserir valores e trazer informações, por meio da cultura e da arte para que eles tenham de fato, o equipamento como referência”, frisou o profissional.


O CREAS

Criado em Araçatuba em 2009, o Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) é direcionado para o atendimento de pessoas vítimas de qualquer tipo de violência. O Centro tem como objetivo fazer com que estas pessoas superem o trauma, e também rompam o ciclo da violência, por meio de atendimento psicossocial e jurídico. Atualmente, a unidade atende mais de 400 pessoas, e funciona das 8h às 17h30.


Localizado na avenida dos Estados, 553, no jardim Sumaré, o CREAS possui três frentes de trabalho: Serviço de Enfrentamento à Violência Contra o Indivíduo e sua Família (pessoas portadoras de necessidades especiais que sofrem violência), Serviço de Enfrentamento à Violência Contra Crianças e Adolescentes e Serviço de Medida Socioeducativo (adolescentes que cometem atos infracionais). Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CREAS é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.


------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

terça-feira, 14 de abril de 2015

CRAS Central promove palestra para idosos sobre hipertensão

 Texto e foto: Camila Graziela

Evento abordou os principais cuidados com a alimentação e os fatores de risco que desenvolvem a doença

Hipertensão. Este foi o tema da palestra realizada na manhã dessa terça-feira (14), para os idosos que frequentam o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), do Centro. O evento contou com a participação de 40 pessoas e teve como objetivo orientar os idosos a cuidarem da saúde. Segundo o Ministério da Saúde, 50% dos idosos no Brasil são hipertensos.


Ministrada por Jaqueline Berceli Barca Cursino, nutricionista do Restaurante Popular, a palestra abordou os principais cuidados com a alimentação e os fatores de risco que desenvolvem a doença. Diabetes, stress, tabagismo, uso de bebida alcoólica e sedentarismo, são alguns desses fatores. Jaqueline destacou também, que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) criou uma lei obrigando os fabricantes de alimentos diminuírem a quantidade de sódio nos produtos. “Isso porque o sal e o sódio são os maiores vilões para hipertensos. É recomendado por dia, apenas cinco gramas de sal. Segundo pesquisa da Anvisa, nossa ingestão está acima de 10 gramas. Por isso a importância de reduzir o consumo”, salientou.


Os presentes aprenderam ainda que zinco, magnésio, cálcio e potássio são minerais que auxiliam no combate à hipertensão porque eles ajudam a eliminar o sódio do organismo. Os idosos também receberam orientações nutricionais, com exemplos de como elaborar um cardápio com os principais alimentos fontes desses nutrientes, de acordo com o plano alimentar DASH, abreviação de “Dietary Approaches to Sop Hypertension”, que em português significa normas dietéticas para combater a hipertensão.

A aposentada Zeres Maria Rosa, de 66 anos, é hipertensa e disse ter gostado muito da palestra. “Achei muito boa. Tirei bastante dúvidas. A partir de hoje, vou controlar minha pressão, graças ao que aprendi hoje”, afirmou. Opinião semelhante teve Elisabete Ferreira, 67. “Essa palestra foi importante, porque nos auxilia como se alimentar corretamente. Eu sou hipertensa e cardíaca e hoje eu vi que minha alimentação é toda errada”, comentou.

CRAS Central

Criado no município em 2012, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do Centro de Araçatuba desenvolve diversas ações para a comunidade promovendo a concretização dos direitos constitucionais e fortalecimentos de vínculos afetivos, relacionais e comunitários. Tem como principais ações o Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família – PAIF, Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos de 0 a 6 anos de idade e Serviço de Proteção Social Básica no domicilio para pessoas com deficiências e idosos.


Cerca de 360 famílias são atendidas mensalmente na unidade. O CRAS Centro fica na rua XV de Novembro, 275, e atende das 8h às 17h. Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CRAS Centro é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3636-1260
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------

segunda-feira, 13 de abril de 2015

Palestras sobre autoestima e hipertensão encerram Semana da Saúde no CRAS Umuarama

 Text e foto: Camila Graziela

Desde o dia seis, o equipamento promoveu diversas atividades para conscientizar a população sobre a importância da manutenção da saúde

O Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), do bairro Umuarama, encerrou a Semana da Saúde com palestra sobre autoestima e roda de conversa para tirar dúvidas de hipertensão.  Desde o dia seis, o equipamento promoveu diversas atividades para conscientizar a população sobre a importância da manutenção da saúde.


Palestras, dinâmicas em grupo, rodas de conversa, atendimento de estética e alongamentos fizeram parte da programação para comemorar ao Dia Mundial da Saúde (7). A iniciativa é da Prefeitura de Araçatuba, por meio das secretarias de Assistência Social e de Saúde, por meio do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF). Os CRAS de Araçatuba são geridos pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP).



Ministrada pela psicóloga do NASF, Vera Lúcia Saturnino de Souza, a palestra abordou as principais características de uma pessoa tanto com a autoestima elevada, quanto diminuída, bem como as consequências trazidas por essas sensações e a importância da autovalorização. Na sequência, uma roda de conversa foi formada, na qual, as profissionais do NASF tiraram dúvidas sobre hipertensão.


Para a coordenadora do CRAS, Cristiane Barbi, a ação teve um saldo positivo. “Durante toda a semana tivemos boa adesão do público. Isso muito nos alegra, porque significa que conseguimos alcançar nossos objetivos, que são promoção da atenção primária da saúde, valorização do bem estar e a melhora da qualidade de vida de nossos atendidos”, frisou.

A dona de casa Telma Aparecida Teles, de 60 anos, que participou efetivamente de toda a programação, falou a respeito. “Foi uma experiência muito boa, porque a gente aprendeu bastante coisa e também podemos levar esse conhecimento adiante, como, por exemplo, para um vizinho ou parente”, comentou.

CRAS Umuarama

Criado no município em 2006, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do bairro Umuarama desenvolve diversas ações para a comunidade promovendo a concretização dos direitos constitucionais e fortalecimentos de vínculos afetivos, relacionais e comunitários. Tem como principais ações o Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família (PAIF), Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos de crianças com até 6 anos de idade e Serviço de Proteção Social Básica no domicilio para pessoas com deficiências e idosos.

O CRAS Umuarama fica na rua Célio Rodrigues de Araújo Cintra, 788, atende mensalmente cerca de 430 famílias, e funciona das 8h às 17h. Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CRAS Umuarama é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3607-6500
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------  

sexta-feira, 10 de abril de 2015

CRAS Umuarama promove atividades para a valorização do usuário

Texto e foto: Camila Graziela

Enquanto idosos do SCFV visitavam o Lar São João, mulheres recebiam tratamento de estética na sede da unidade

Os idosos que integram o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do bairro Umuarama (Araçatuba), e do Ponto de Apoio, no bairro Alvorada, visitaram, na manhã dessa quinta-feira (9), os idosos que moram no Lar São João (Comunidade Luso-Brasileira). 

De acordo com a assistente social responsável pelo grupo, Lívia Rodrigues Restofe, a ação é resultado da participação dos próprios idosos no processo de criação e elaboração do cronograma das atividades desenvolvidas no grupo. “Todos eles têm poder de decisão e foram eles próprios que sugeriram a visita. Com isso, percebe-se a valorização da autoestima desses indivíduos e maior resultado e alcance de objetivos”, explicou a profissional.


Lá, os integrantes do SCFV se apresentaram de forma voluntária. Canto, dança, oração e recital de poesias fizeram parte das apresentações. A usuária Inês Mosca Benante, de 70 anos, moradora no jardim Alvorada, se sentiu realizada. “Achei maravilhoso! Eu sempre tive vontade de conhecer um asilo. Gostei da experiência e mais ainda de ver como eles são bem cuidados”, disse.

oão Ribeiro, de 71 anos, morador do local há quatro, contou um pouco de sua trajetória e da alegria que sente quando recebe visitas. “Eu adoro receber visitas, porque eu não tenho família. Trabalhei por 46 anos como palhaço do circo Orlando Orffei e fiz a alegria de muita gente. Hoje, minha alegria é receber pessoas”, comentou.



Simultaneamente a esse evento, na sede do CRAS, cerca de 40 mulheres receberam massagem com hidratação facial e de mãos, feitas por alunas do curso de Estética do Senac. A ação faz parte da programação da Semana da Saúde, realizada no equipamento em comemoração ao Dia Mundial da Saúde (7).


A iniciativa é da Prefeitura de Araçatuba, por meio das secretarias de Assistência Social e de Saúde, por meio do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF). Os CRAS de Araçatuba são geridos pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP).


Amabile Daiane de Souza, 24, que está participando dos eventos durante essa semana falou sobre a ação. “Achei as palestras ótimas, porque tirei bastante dúvidas, principalmente em relação as dietas. O evento de hoje foi um mimo para nós mulheres. Isso ajuda a nos sentirmos melhores e eleva a auto estima, foi muito bom”, relatou.

Ivonete Vieira dos Santos, de 33 anos, também opinou. “Esta semana está sendo tudo de bom. Recebemos muitas orientações, serviu pra abrir a mente de muitas pessoas. Hoje foi especial pra nós mulheres, porque nos estimula a nos cuidar, nos valorizar e gostar mais de si”, declarou. 



CRAS Umuarama

Criado no município em 2006, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do bairro Umuarama desenvolve diversas ações para a comunidade promovendo a concretização dos direitos constitucionais e fortalecimentos de vínculos afetivos, relacionais e comunitários. Tem como principais ações o Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família (PAIF), Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos de crianças com até 6 anos de idade e Serviço de Proteção Social Básica no domicilio para pessoas com deficiências e idosos.

O CRAS Umuarama fica na rua Célio Rodrigues de Araújo Cintra, 788, atende mensalmente cerca de 430 famílias, e funciona das 8h às 17h. Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CRAS Umuarama é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3607-6500
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------  

quinta-feira, 9 de abril de 2015

Palestras dão sequência à Semana da Saúde no CRAS Umuarama

Texto e foto: Camila Graziela

Atenção Primária à Saúde e Promoção em Saúde e Prevenção em Acidentes Domésticos e Primeiros Socorros foram temas desta quarta

Em comemoração ao Dia Mundial da Saúde (07/04), duas palestras foram realizadas nessa quarta-feira (8) no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do bairro Umuarama, em Araçatuba. Uma delas teve como tema a Atenção Primária à Saúde e Promoção em Saúde, e a outra foi sobre Prevenção em Acidentes Domésticos e Primeiros Socorros. A ação faz parte da programação da Semana da Saúde, realizada no equipamento.


A primeira atividade foi ministrada pelo médico do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), Johannes Samuel de Almeida. Ele abordou a importância da qualidade de vida do idoso.  O palestrante incentivou a senhora Joana, de 76 anos, a fazer um retrospecto de sua vida e a fez refletir se imaginou que viveria todo esse tempo e pensar o que faria daqui pra frente se vivesse por mais 14 anos.


Os presentes aprenderam que o conceito saúde é muito amplo, não apenas ausência de patologia. Prevenção, bem-estar físico e psicológico também fazem parte desse conceito e que o convívio do idoso com a família previne doenças, risco social e contribui com a valorização da autoestima.


Em seguida, o sargento Ulisses, do Corpo de Bombeiros, deu dicas de como prevenir acidentes domésticos e de primeiros socorros. A dona de casa Maria Estela Gonçalves, 50, que está participando efetivamente das palestras, aprovou a iniciativa. “Tem sido muito importante participar desta semana, porque tenho tirado muitas dúvidas. É uma grande oportunidade de aprendermos a cuidar melhor de nossa saúde”, relatou. Ela também frequenta as oficinas de dança ofertadas pelo CRAS.

Opinião semelhante teve Maria Aparecida de Souza Moura, 66. “Achei muito interessante porque nos ensina que as pessoas mais idosas, como eu, não devem ficar paradas e que a atividade física é essencial nessa idade”, comentou.

Até o próximo dia 10, serão realizadas no equipamento social palestras, rodas de conversa, realização de alongamento, dinâmicas de grupo e atendimento de estética. A iniciativa é da Prefeitura de Araçatuba, por meio das secretarias de Assistência Social e de Saúde, por meio do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF). Os CRAS de Araçatuba são geridos pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP).

CRAS Umuarama

Criado no município em 2006, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do bairro Umuarama desenvolve diversas ações para a comunidade promovendo a concretização dos direitos constitucionais e fortalecimentos de vínculos afetivos, relacionais e comunitários. Tem como principais ações o Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família (PAIF), Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, para crianças com até 6 anos de idade e Serviço de Proteção Social Básica no domicilio para pessoas com deficiências e idosos.


O CRAS Umuarama fica na rua Célio Rodrigues de Araújo Cintra, 788, atende mensalmente cerca de 430 famílias, e funciona das 8h às 17h. Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CRAS Umuarama é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3607-6500
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------  

terça-feira, 7 de abril de 2015

Diabetes é tema de palestra para idosos do CRAS Central

Texto e foto: Camila Graziela

Participantes aprenderam o que é diabetes, a tipificação 1 e 2 e as consequências da doença

Os idosos que fazem parte do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do Centro de Araçatuba participaram na manhã dessa terça-feira (7) de uma palestra sobre diabetes. Ministrada por Jaqueline Berceli Barca Cursino, nutricionista do Restaurante Popular, a palestra abordou os principais cuidados com a alimentação e os fatores de risco. Os presentes aprenderam o que é diabetes, a tipificação 1 e 2, as consequências da doença como, por exemplo, cegueira, insuficiência renal e amputação de membros, são os riscos de maiores incidência.


Eles também receberam orientações nutricionais, com exemplos de como elaborar um cardápio balanceado, tanto para uma alimentação saudável, quanto para equilibrar a doença. “Por se tratar de um grupo com pessoas com mais de 60 anos, optamos trazer esse tema para estimular que nossos idosos se cuidem. Com isso, estamos promovendo a melhora da qualidade de vida que é um dos objetivos de nosso programa”, explicou Cynthia Galvão, assistente social responsável pelo grupo.


Elenice Campara Ferreira de 66 anos aprovou a iniciativa. “Eu adorei. Pra mim foi muito bom porque eu sou diabética. Aprendi muita coisa como, por exemplo, que eu posso beber minha cervejinha, desde que seja acompanhada de uma cenoura crua ralada ou semente de abóbora torrada como petisco”, relatou.


Maria de Fátima Gonçalves, 60, teve opinião semelhante. “Achei interessante porque nos auxiliou como comer corretamente. Eu adoro comer, então é bom saber se alimentar de forma adequada”, comentou.


CRAS Central

Criado no município em 2012, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do Centro de Araçatuba desenvolve diversas ações para a comunidade promovendo a concretização dos direitos constitucionais e fortalecimentos de vínculos afetivos, relacionais e comunitários. Tem como principais ações o Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família – PAIF, Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos de 0 a 6 anos de idade e Serviço de Proteção Social Básica no domicilio para pessoas com deficiências e idosos.


Cerca de 360 famílias são atendidas mensalmente na unidade. O CRAS Centro fica na rua XV de Novembro, 275, e atende das 8h às 17h. Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CRAS Centro é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3607-6500
www.aracatuba.sp.gov.br
-----------------------------------------------------------------------  

Começa a Semana da Saúde no CRAS Umuarama

Texto e foto: Camila Graziela

Palestras, rodas de conversa, realização de alongamento, dinâmicas de grupo e atendimento de estética fazem parte da programação

Foi aberta hoje no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do bairro Umuarama a “Semana da Saúde”, em comemoração ao Dia Mundial da Saúde (07/04). Até o próximo dia 10, serão realizadas no equipamento social palestras, rodas de conversa, realização de alongamento, dinâmicas de grupo e atendimento de estética fazem parte da programação. A primeira atividade foi uma palestra sobre a importância da atividade física, ministrada pela educadora física do NASF, Liz Patrícia Marques. 

Por meio de dinâmica, ela abordou os benefícios e a importância de praticar atividade física. Em seguida, a fisioterapeuta Alline Gislaine Telles Paço, também do NASF, falou sobre saúde osteomuscular/dores nas costas – como evitá-las? O público pode conferir o certo e errado e como manter a postura em atividades corriqueiras como, por exemplo, abaixar para pegar algo no chão, maneira de dormir, varrer, lavar louça, segurar uma bolsa e até salto alto.




De acordo com a coordenadora do CRAS, Cristiane Barbi, a ação tem por objetivo conscientizar a população sobre a importância da manutenção da saúde, enfatizando os cuidados com a alimentação, higiene pessoal e ambiental. “No dia sete de abril é comemorado o Dia Mundial da Saúde, por isso, aceitamos prontamente o convite da equipe do NASF. Com esta ação, estamos visando com a promoção da atenção primária da saúde, valorizando o bem estar e a melhora da qualidade de vida de nossos atendidos”, acrescentou.


A iniciativa é da Prefeitura de Araçatuba, por meio das secretarias de Assistência Social e de Saúde, por meio do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF). Os CRAS de Araçatuba são geridos pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP).

Saúde

Saúde se define no estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. Além da boa disposição do corpo e da mente, a OMS (Organização Mundial da Saúde) inclui na definição de saúde, o bem-estar social entre os indivíduos.


CRAS Umuarama

Criado no município em 2006, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do bairro Umuarama desenvolve diversas ações para a comunidade promovendo a concretização dos direitos constitucionais e fortalecimentos de vínculos afetivos, relacionais e comunitários. Tem como principais ações o Serviço de Proteção e Atendimento Integral a Família (PAIF), Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, para crianças com até 6 anos de idade e Serviço de Proteção Social Básica no domicilio para pessoas com deficiências e idosos.

O CRAS Umuarama fica na rua Célio Rodrigues de Araújo Cintra, 788, atende mensalmente cerca de 430 famílias, e funciona das 8h às 17h. Juntamente com outros 15 programas da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) de Araçatuba, o CRAS Umuarama é gerido pela Associação de Amparo ao Excepcional Ritinha Prates (AAERP) desde o dia 23 de abril de 2014.

------------------------------------------------------------------------
Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS
Prefeitura Municipal de Araçatuba – PMA
(18) 3607-6500
www.aracatuba.sp.gov.br


-----------------------------------------------------------------------